Criminosos explodem três agências bancárias durante a madrugada no Sul de Minas

Três agências bancárias foram alvos de criminosos na madrugada desta terça-feira (5) em três cidades da região. Ao todo, pelo menos 38 pessoas são suspeitas dos ataques em Campos Gerais, Itanhandu e São Pedro da União (MG).

Em Campos Gerais (MG), cerca de 20 homens armados explodiram a agência da Caixa Econômica Federal por volta de 3h. Segundo a Polícia Militar, a quadrilha estava em quatro carros e trocou tiros com os militares durante fuga. Ninguém ficou ferido. A polícia busca informações sobre alguma quantia levada.

Já em Itanhandu (MG), oito homens armados explodiram o Banco Bradesco, por volta de 4h30. Os suspeitos estavam em dois carros e uma moto.

Eles deixaram objetos na pista para furar pneus na rodovia e seguiram sentido Itamonte (MG), na descida para o Rio de Janeiro (RJ). Até esta publicação, ninguém havia sido localizado e não há informações sobre o que foi levado.

Em São Pedro da União (MG), uma quadrilha com cerca de 10 pessoas explodiu o Banco do Brasil. A polícia informou que os suspeitos estavam com armas de cano longo e atiraram na parte da frente do banco, antes de utilizarem os explosivos.

Eles entraram e tiveram acesso ao cofre, que fica no subsolo da agência. Ainda de acordo com os militares, a ação durou cerca de 20 minutos. Os criminosos fugiram em três carros e ninguém foi encontrado.

A polícia continua o rastreamento na região em busca dos envolvidos nos ataques.

Por G1 Sul de Minas

NOTÍCIAS IMPORTANTES