Comando-geral da PM detalha projeto de instalação de bases de segurança em BH

O comando-geral da Polícia Militar (PM) divulgou, nesta quarta-feira (16), detalhes do projeto de instalação de bases de segurança em Belo Horizonte. Duzentos e seis policiais vão reforçar a segurança nas ruas. Eles trabalham nas áreas administrativas da polícia, mas a partir do dia 28 de agosto estarão nas ruas, fazendo parte das bases de segurança.

Por isso, para se prepararem para essa mudança na estratégia de policiamento, os militares se reuniram com o comando-geral. Segundo a PM, nos primeiros seis meses as bases vão funcionar das 15h até as 23h, quando a maioria das ocorrências é registrada. Depois o plano é que o horário seja estendido, das 6h até as 2h.

A polícia ainda não divulgou os locais exatos onde as 86 bases ficarão. De acordo com a PM, cada uma vai contar com dois policiais rodando em motos e outros dois fixos em uma van onde as ocorrências poderão ser registradas.
O novo modelo vem causando polêmica desde quando foi lançado, em junho. As bases de segurança devem substituir pelo menos dez companhias da Polícia Militar em várias regiões da capital.

Uma das bases deve ser instalada no bairro Padre Eustáquio, na Região Noroeste. Moradores e comerciantes estão divididos com a decisão da PM. Alguns aprovam e outros olham com desconfiança a nova estratégia de policiamento.

Por MGTV, Belo Horizonte

NOTÍCIAS IMPORTANTES